Após derrota e polêmica com hino nazista, Alemanha pegará a Ucrânia na Fed Cup

Confronto será válido pela repescagem da competição, entre os 22 e 23 de abril

Estadao Conteudo

14 Fevereiro 2017 | 10h54

Depois de amargar um final de semana no qual foi derrotada pelos Estados Unidos e ainda viveu o constrangimento de ter ouvido dentro de quadra a execução de uma versão desatualizada do seu hino, ainda da época nazista do país, a Alemanha conheceu nesta terça-feira qual será a sua próxima adversária na Fed Cup, a versão feminina da Copa Davis de tênis.

Um sorteio realizado pela Federação Internacional de Tênis (ITF, na sigla em inglês), em Londres, definiu a Ucrânia como adversária das alemãs em confronto válido pela repescagem da competição, entre os 22 e 23 de abril. O sorteio desta terça também determinou os duelos França x Espanha, Rússia x Bélgica e Eslováquia x Holanda, que também valerão aos vencedores deste playoff a permanência no Grupo Mundial do torneio para 2018.

No último sábado, no primeiro dos dois dias de confronto com os Estados Unidos pelas quartas de final da Fed Cup, no Havaí, a cerimônia que abriu o embate entre as nações gerou polêmica e foi constrangedora para as tenistas alemãs. Os organizadores locais cometeram um erro na execução do hino da Alemanha, ao tocarem por engano a sua versão antiga, do período no qual o país era liderado pelo nazista Adolph Hitler.

Irritada com o equívoco, a tenista Andrea Petkovic chegou a cogitar abandonar a quadra durante a execução do hino, sendo que a Associação de Tênis dos Estados Unidos, responsável pela organização do confronto, chegou a se desculpar publicamente pelo erro.

Após a decepção, a Alemanha foi superada nos três primeiros jogos da série melhor de cinco partidas com os Estados Unidos no confronto no qual não contou com a sua principal tenista, a vice-líder do ranking mundial Angelique Kerber. Assim, as norte-americanas avançaram para enfrentar a República Checa nas semifinais. As checas se classificaram ao eliminar a Espanha, também em casa.

Já nos outros dois duelos das quartas de final, a Suíça derrotou a França e a Bielo-Rússia passou pela Holanda. Assim, esses dois países se credenciaram para a fazer a outra semifinal da elite da Fed Cup, também nos dias 22 e 23 de abril

Também foram sorteados nesta terça os confrontos do Grupo Mundial II da Fed Cup, marcados para acontecer nestas mesmas datas de abril, quando ocorrerão os duelos China x Itália, Romênia x Grã-Bretanha, Sérvia x Austrália e Canadá x Casaquistão e os seus ganhadores darão um primeiro passo rumo à elite da competição.

Mais conteúdo sobre:
tênis Fed Cup

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.