Após derrota, Luxemburgo critica Copa Sul-Americana

O técnico Vanderlei Luxemburgo fez duras críticas à Copa Sul-Americana após a derrota por 1 a 0 para o Argentinos Juniors, pelas quartas-de-final da competição. Além de diminuir a importância da competição, ele disse que não levará a equipe titular para a segunda partida, na Argentina."Essa competição é muito legal. Legal para atrapalhar. Você só se expõe. Estamos no meio de um campeonato importante e a oito rodadas do fim. Nesse momento, essa competição traz mais prejuízo do que benefício", disse Luxemburgo, que descartou levar os titulares para a segunda partida."Eu vou jogar com o Argentinos Juniors pré jogo do Grêmio. Você acha que eu vou com meu time titular? Claro que não vou. Se eu tiver de levar doze jogadores, vou levar doze jogadores. Eu não tenho como fazer diferente", afirmou o treinador, que voltou a criticar a competição."Eu vou dar à competição o que ela me dá. Hoje mandaram aqui um árbitro que tinha apitado dois jogos internacionais na vida", disse Luxemburgo. O árbitro colombiano José Buitrago também mereceu críticas do treinador, depois de invalidar um gol de pênalti de Diego Souza, alegando que o jogador fez uma ''paradinha''. "Ele foi o principal responsável pela derrota do Palmeiras, não sei se por má intenção ou incompetência. A paradinha pode ser proibida na Colômbia, mas em competição sul-americana, não é", concluiu o técnico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.