Mike Groll/AP
Mike Groll/AP

Após detecção de doping em reanálise, atleta do Azerbaijão perde bronze olímpico

COi determina mudança na medalha após irregularidade na amostra de Valentin Hristov, do levantamento de peso

Redação, Estadão Conteúdo

29 de março de 2019 | 11h26

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou nesta sexta-feira a desclassificação de três atletas, incluindo um medalhista de bronze do levantamento de peso do Azerbaijão, por doping nos Jogos de Londres, em 2012. Os casos foram descobertos a partir da reanálise das amostras antidoping obtidas durante o evento.

Valentin Hristov foi destituído do seu terceiro lugar na categoria até 56kg por ter testado positivo para turinabol oral, um esteroide anabolizante, em caso de doping que havia sido revelado em dezembro. A medalha de bronze dos Jogos de Londres agora poderá ser alocada pelo COI para o quarto colocado, o vietnamita Tran Le Quoc Toan.

Ele também pode ser banido do esporte pela Federação Internacional de Levantamento de Peso pelo seu terceiro caso de doping. Hristov, que faz 35 anos neste sábado, já está cumprindo uma suspensão de oito anos, válida até dezembro de 2023, para um teste positivo para nandrolona no Mundial de 2015, em Houston. Hristov também foi pego dopado no Campeonato Europeu de 2013.

O COI explicou que duas atletas da Bielo-Rússia também testaram positivo para esteroides anabolizantes na nova análise das amostras de Londres-2012. São elas: Anis Ananenka, que participou da disputa dos 800 metros, e Alena Matoshka, do lançamento de martelo.

Mais de cem atletas, incluindo dezenas de medalhistas, foram pegos e reanálise de amostras dos Jogos de Pequim-2008 e de Londres-2012 a partir da utilização de técnica mais apurada para descobrir o uso de esteroides. O COI seguirá com as análises das amostras da Olimpíada de 2012 até o próximo anos, quando expira o período para avaliação dos testes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.