Thais Magalhães/CBF
Thais Magalhães/CBF

Após Mundial, seleção de futsal renova esperanças para ciclo sob comando da CBF

Equipe ficou quase um ano sem jogar por causa da pandemia do novo coronavírus e agora olha para calendário cheio em 2022, com Copa América e outros torneios previstos pela Conmebol

Redação, Estadão Conteúdo

06 de outubro de 2021 | 14h39

O Mundial da Lituânia acabou neste final de semana, mas o trabalho só começou para a seleção brasileira de futsal. Após um ciclo conturbado, em que ficou quase um ano sem jogar por causa da pandemia do novo coronavírus, o Brasil retorna da competição na Europa respirando novos ares, com esperanças de um futuro melhor.

O hexacampeonato mundial não veio, mas o Brasil conseguiu voltar ao pódio depois de nove anos e terminou a competição em terceiro lugar, com direito ao melhor ataque e à melhor defesa. Mesmo sem a taça, a seleção brasileira leva na bagagem a esperança de um futuro promissor, que começou a ser desenhado neste Mundial, sob o comando da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A CBF assumiu a gestão das equipes da seleção brasileira de futsal em abril deste ano. O primeiro grande desafio seria, justamente, a disputa do Mundial. O grupo da seleção principal masculina não se reunia desde novembro de 2020 e precisou "correr contra o tempo" para fazer uma competição à altura da tradição do Brasil na modalidade.

De certa forma, conseguiu, como disse o capitão Rodrigo. "O mais importante era que a gente tinha que fazer sete jogos na Copa do Mundo. Esse era o nosso pensamento. No final, chegamos entre os quatro novamente. É o início de um novo projeto, tem tudo para dar muito certo, com a CBF e toda a estrutura", afirmou.

Como o trabalho não pode parar, a seleção brasileira já começa a definir o seu calendário para o início do novo ciclo de Mundial, que será em 2024 ainda sem sede definida pela Fifa. E não é só o time masculino que deve ter compromissos agendados. O calendário de 2022 terá agenda cheia, com direito à disputa da Copa América e de outros torneios previstos pela Conmebol para o ano. O cronograma inclui as equipes femininas e de base, que ainda não entraram em ação com a CBF.

Tudo o que sabemos sobre:
futsal [futebol de salão]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.