Após Mundial, Thiago usará varas emprestadas no Chile

No sábado Thiago Braz e Augusto Dutra estavam disputando o Mundial Indoor de Sopot, na Polônia. Nesta quinta-feira, já estarão em ação numa competição completamente diferente: os Jogos Sul-Americanos, em Santiago, no Chile, desta vez em estádio aberto. Eles conseguiram fazer a viagem tranquilamente, mas as varas não.

AE, Agência Estado

12 de março de 2014 | 17h30

"Minhas varas não vão chegar da Polônia. Vou competir com varas emprestadas do Fábio (Gomes da Silva)", conta Thiago, citando o companheiro no BM&FBovespa. Ele e Augusto, ano passado, aproveitaram que Fábio, então melhor do País, teve uma séria lesão no tendão de Aquiles para superá-lo.

Agora que os dois são os melhores do País, têm responsabilidades na busca por resultados. Tanto que chegaram terça do Mundial e nesta quarta já seguiram para Santiago. "Desgaste não é desculpa. Se tem de fazer, então tem de fazer. Vamos ver que marca vai sair", comenta Thiago, que foi quarto colocado no Mundial.

Para o técnico Elson Miranda, ir a Santiago vai ajudar os saltadores. "Quero que eles tenham a experiência de disputar uma competição maior, que não seja só de atletismo. Eles vão ter contato com outros atletas, de outros esportes, e vão ver como é o esquema do Comitê Olímpico Brasileiro, já que tudo, hoje, tem como foco os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016."

Como estavam pensando em Sopot, os dois não fizeram um trabalho específico para provas em estádio aberto. Mesmo assim, são favoritos a ouro e prata. "Não tem de fazer nenhuma adaptação no treinamento. É chegar lá e competir. Claro que o foco para as competições ao ar livre é buscar resultados, mas não espero grandes marcas no Sul-Americano, já que acabaram de disputar o Mundial Indoor. Só se for realmente o dia deles", comenta.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoJogos Sul-Americanos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.