Após onda gigante, Brasil 1 está em 4.º lugar na Oceania

Após 60 horas de disputa, o barco Brasil 1, comandado por Torben Grael, que sofreu uma lesão na mão direita na segunda-feira, depois que a embarcação foi atingida por uma onda gigante, está em quarto lugar na terceira etapa do Volvo Ocean Race - que acontece entre as cidades de Melbourne (Austrália) e Wellington (Nova Zelândia).A liderança da etapa pertence ao barco holandês ABN Amro 1, comandado pelo neozelandês Mike Sanderson - que favorecido pelos fortes ventos de 48km/h, conseguiu suportar o ataque da embarcação espanhola Movistar.Confira a classificação da terceira etapa do Volvo Ocean Race após 60 horas:1.º ABN Amro 1 (HOL) - Mike Sanderson 2.º Movistar (ESP) - Bouwe Bekking 3.º Pirates (EUA) - Paul Cayard 4.º Brasil 1 (BRA) - Torben Grael 5.º ABN Amro 2 (HOL) - Sebastián Jossé 6.º Ericsson (SUE) - Neal Mc Donald

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.