Divulgação
Divulgação

Brasil terá 10 duplas em Grand Slam do vôlei de praia nos EUA

Competição em Long Beach faz parte da corrida olímpica brasileira

Estadão Conteúdo

19 de agosto de 2015 | 09h29

O Brasil terá três dez duplas nas chaves masculina e feminina do Grand Slam de Long Beach, nos Estados Unidos, uma das etapas do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. Com sete parcerias já garantidas no torneio, outras três obtiveram suas vagas na disputa do qualifying: Álvaro Filho/Vitor Felipe, Guto/Saymon e Maria Clara/Carol, que avançou como lucky loser.

Alison e Bruno Schmidt, Pedro Solberg/Evandro e Ricardo/Emanuel já estavam garantidos no torneio masculino. Medalhistas de prata no Jogos Pan-Americanos de Toronto, Álvaro Filho e Vitor Felipe se juntaram a eles com suas vitórias no qualifying sobre os checos Hromadko e Salava (21/8 e 21/13) e diante dos norte-americanos Crabb/Allen (26/24 e 21/19).

Já Guto e Saymon, campeões da primeira etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, bateram os suíços Kovatsch e Kissling por 2 sets a 1 (21/18, 18/21 e 15/13). Depois, eles aplicaram 2 a 0 nos alemães Fuchs e Windscheif (21/18 e 21/16).

Ágatha/Bárbara Seixas, Juliana/Maria Elisa, Larissa/Talita e Lili/Carolina Horta se garantiram previamente na chave feminina. Maria Clara e Carol estrearam no qualificatório com vitória por 2 a 0 (21/17 e 21/13) sobre as norte-americanas Kelley Larsen e Betsi Metter. Depois, elas perderam para as casaques Tatyana Mashkova e Irina Tsimbalova por 2 a 1 (21/16, 12/21 e 15/11), mas conseguiram a vaga por desistências.

Outras duas duplas brasileiras não tiveram êxito no qualifying. As vice-campeãs mundiais Taiana e Fernanda Berti perderam para as russas Anastacia Barsuk e Maria Prokopeva (21/18 e 22/20), enquanto Márcio Araújo e Luciano caíram para os alemães Markus Böckermann e Lars Flüggen(21/12 e 21/19).

O Grand Slam de Long Beach faz parte da corrida olímpica brasileira, que dará uma vaga por gênero nos Jogos de 2016 e conta pontos em nove eventos da temporada 2015 do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, sendo cinco Grand Slams, três Majors e o Open do Rio de Janeiro. Evandro e Pedro Solberg e Agatha e Bárbara Seixas lideram a disputa nos respectivos naipes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.