Após queda no judô, Katherine diz que foi afoita em luta

Eliminada nesta quinta-feira em sua segunda luta no Mundial de Judô que está sendo realizado no Rio, a brasileira Katherine Campos admitiu que foi um pouco afoita neste confronto no qual acabou derrotada pela holandesa Anicka van Emden na categoria até 63kg.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2013 | 16h09

Após estrear na competição com vitória por ippon sobre a guatemalteca Yennifer Dominguez, a judoca do Brasil foi eliminada ao receber três punições (shidos) dos árbitros no seu segundo combate no dia.

"Eu já sabia que seria uma luta bem dura, ela é uma das melhores do mundo. A estratégia estava traçada, mas acho que me precipitei no começo da luta e tomei um shido por ataque falso. Infelizmente não consegui pontuar", disse a brasileira ao comentar sua eliminação.

Katherine, porém, festejou o fato de ter conseguido ao menos disputar a importante competição do calendário do judô, admitindo que precisa melhorar o seu nível atual para brigar efetivamente por conquistas importantes na modalidade. "Estou feliz de ter participado do meu primeiro Mundial. A sensação é de que tenho muito que treinar e evoluir", reconheceu.

Tudo o que sabemos sobre:
judôMundialKatherine Campos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.