KABC-TV via AP
KABC-TV via AP

Após ser transferido de hospital, Tiger Woods se recupera 'com bom humor'

Golfista está no Cedars-Sinai, especializado na recuperação de atletas, após acidente na terça-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de fevereiro de 2021 | 23h28

Em novo comunicado divulgado nesta sexta-feira, os representantes do golfista Tiger Woods confirmaram que o golfista de 45 anos foi transferido do hospital Harbor-UCLA para o Cedars-Sinai, também em Los Angeles, especializado na recuperação de atletas, e está se recuperando 'com bom humor' após o grave acidente sofrido na terça-feira.

"Tiger foi transferido para o Centro Médico Cedars-Sinai e recebeu procedimentos de acompanhamento em suas lesões nesta manhã. Os procedimentos foram um sucesso, e ele, agora, está se recuperando e com bom humor", informou o comunicado publicado nas redes sociais do golfista.

"Tiger e sua família querem agradecer a todos pelo maravilhoso suporte e mensagens que eles receberam nos últimos dias. Não vamos fazer nenhuma nova atualização por ora. Obrigado pela privacidade", acrescentou.

Tiger Woods sofreu fraturas expostas, que afetam as porções superior e inferior da tíbia e dos ossos da fíbula. Foi necessário uma inserção de uma haste na tíbia. Lesões adicionais nos ossos do pé e tornozelo foram estabilizadas com uma combinação de parafusos e pinos. 

O golfista não vai responder a acusação criminal, como informou o xerife Alex Villanueva, coordenador das investigações. Segundo o policial não há evidências que apontem imprudência no volante por parte do maior golfista de todos os tempos.

 

Apesar de não ter cometido um crime, Tiger Woods, que sofreu cirurgia nas pernas por causa das inúmeras lesões, poderá ser multado, caso tenha usado o celular ou se estava em alta velocidade. O local do acidente tem como permitido 70 quilômetros por hora.

Segundo as autoridades, o carro de Tiger Woods bateu em um canteiro central, atravessou duas pistas na direção contrária, capotou várias vezes e acabou de lado em uma ribanceira. A superestrela do golfe teve que ser retirada de dentro do carro pelo pára-brisa, mas estava consciente e chegou a falar com os bombeiros. 

Tudo o que sabemos sobre:
Tiger Woodsgolfe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.