WSL|Sloane
WSL|Sloane

Após susto, Medina confirma que disputará terceira fase na Austrália

Surfista brasileiro sofre torção no joelho direito na estreia no Circuito Mundial

O Estado de S. Paulo

16 de março de 2017 | 12h29

Depois do susto na estreia no Circuito Mundial de Surfe de 2017 ao deixar o mar mancando, Gabriel Medina confirmou que disputará a terceira fase da competição na Gold Coast australiana. O surfista brasileiro sofreu uma torção no joelho direito após tentar uma manobra áerea, mas a lesão parece não ter afetado os ligamentos.

Atendido pelos médicos da WSL logo após o incidente, Medina foi medicado, está fazendo tratamento com gelo na região dolorida e aproveitando o intervalo até a próxima disputa para repousar. "Estou bem, descansando e vai dar para surfar no próximo round", disse o atleta, que está em casa, junto com seu padrasto e técnico, Charles Saldanha. 

Medina continuou na água mesmo após se machucar e somou 16.50 pontos nas duas melhores ondas, superando o compatriota Wiggolly Dantas (10.90) e o havaiano Ezekiel Lau (10.70). Na terceira fase, o Brasil também já tem Mineirinho e Jadson André garantidos. Já Filipe Toledo, Caio Ibelli, Wiggolly Dantas, Italo Ferreira, Miguel Pupo e o estreante Ian Gouveia  lutarão pela sobrevivência na repescagem.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
SurfeGabriel Medina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.