Atenas tranqüiliza COI para 2004

Os dirigentes do Comitê Olímpico Internacional (COI) reconheceram que as obras para os Jogos Olímpicos de 2004 voltaram ao prazo previsto, exatamente um ano depois da cidade ter recebido uma advertência por causa do excessivo atraso. O belga Jacques Rogge, coordenador-chefe da entidade para os Jogos, disse estar satisfeito com o progresso alcançado após aquela medida. "O tempo é um fator crítico em Atenas. Um novo dinamismo foi tomado pelo governo desde então, e as coisas estão andando", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.