Atleta brasileira flagrada no doping

A fundista Fabiane dos Santos - uma das esperanças de medalha do Brasil no Mundial de Atletismo de Edmonton, no Canadá, na prova dos 800 metros - foi flagrada no exame antidoping. Os exames, realizados no dia 6 de maio, durante o GP Brasil de Atletismo, no Rio, mostraram a presença do hormônio testosterona epitestosteroneratio na urina da atleta. Fabiane dos Santos é paulista da capital, tem 25 anos e mora em Madri, na Espanha. Este ano, ganhou sua prova em três torneios do GP: no Rio de Janeiro, em Milão e em Sevilha, foi a segunda em Atenas e a terceira em Oslo. Melhorou cinco vezes seu recorde pessoal na prova, até marcar 1:58.83, em Oslo. Antes, marcara 1:59.91 em Hengelo, e 1:59.07 em Atenas. Fabiane - que está impedida de correr os 800 m em Edmonton - é reincidente (já teve um resultado positivo em 1995), e poderá ser suspensa ou até mesmo receber penas mais severas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.