Atleta, suspenso de Pequim 2008 por doping, desiste do rúgbi

Velocista britânico Dwain Chambers - bronze nos 60 m no Mundial indoor - tentou jogar rúgbi pelo Castleford

EFE

06 de maio de 2008 | 17h17

O velocista britânico Dwain Chambers, impedido pelo comitê olímpico de seu país de participar dos Jogos de Pequim por doping, desistiu de acertar com o Castleford, equipe de rúgbi local. Chambers ficou algumas semanas treinando com o elenco e até chegou a participar de um amistoso no dia 27 de abril, mas avisou nesta terça-feira que deixou a equipe.O atleta, terceiro na prova dos 60 metros do recente Mundial Indoor de Valência, pegou dois anos de suspensão - o que inclui a ida a Pequim - por dar positivo pelo esteróide tetrahidrogestrinona (THG), e resolveu mudar de esporte."Dwain trabalhou muito durante o período de treinos e o amistoso, mostrando coragem e capacidade para ser um bom jogador de rúgbi. Mas não temos tempo e devemos nos concentrar em outras questões", afirma a nota.O diretor-executivo do clube, Richard Wright, explica que o trabalho de Chambers acabou com muitas dúvidas. "Ele trabalhou com ética e profissionalismo e foi exemplar. Sua relação foi perfeita com todos os membros do clube e até nos deu uma grande repercussão na imprensa", comentou sobre o atleta, de 30 anos.Já Nick Collins, diretor esportivo, ressaltou: "É uma pena, mas Dwain entendeu a decisão e deixa o clube de forma positiva, com um sorriso no rosto".

Tudo o que sabemos sobre:
dopingTHGPequim 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.