Themba Hadebe/AP
Themba Hadebe/AP

Atletas da Zâmbia são atacados e ficam feridos na África do Sul

Incidente ocorreu depois de vitória por 1 a 0 diante da seleção local em um amistoso

Agência Estado

15 de novembro de 2012 | 10h37

JOHANNESBURGO - Dois jogadores da Zâmbia ficaram feridos na noite da última quarta-feira, 14, quando o ônibus da seleção do país que é a atual campeã africana foi apedrejado enquanto deixava o Estádio Soccer City, principal palco da última Copa do Mundo. O incidente ocorreu depois de um amistoso diante da África do Sul, em Johannesburgo. O duelo terminou com vitória por 1 a 0 da seleção visitante, que acabou sendo vítima da fúria de alguns vândalos locais.

 

O goleiro Kennedy Mweene precisou levar pontos na cabeça após algumas janelas do ônibus serem estilhaças por "pedras enormes" quando a sua seleção deixava o estádio em direção ao hotel em que a delegação da Zâmbia estava hospedada, informou nesta quinta-feira a Associação de Futebol da Zâmbia (FAZ, na sigla em inglês). O meio-campista Felix Katongo também acabou ferido por causa dos ataques.

 

"É muito triste que o ônibus da Zâmbia foi atacado e Kennedy Mweene sofreu uma lesão na cabeça", afirmou a FAZ, por meio de um comunicado, no qual depois enfatizou: "Ele levou pontos e está bem, mas o incidente foi vergonhoso".

 

A Associação Sul-Africana de Futebol lamentou o episódio e confirmou que dois garotos, de 12 e 13 anos, foram detidos fora do estádio após o ataque ao ônibus de Zâmbia. Eles ficaram sob custódia da polícia local.

 

Após ficar ferido, Mweene recebeu tratamento dentro do ônibus pelos médicos da seleção de Zâmbia, enquanto Katongo teve apenas pequenas escoriações. Os dois acabaram sendo vítimas de ataques na porta do estádio que, além de ter sido o maior palco do Mundial de 2010, receberá o jogo de abertura e a final da Copa Africana das Nações, no próximo ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.