Atlético-GO vence outra e garante liderança

Time bate Juventude de virada e se mantém na frente na penúltima rodada do 1.º turno

, O Estadao de S.Paulo

15 de agosto de 2009 | 00h00

Com uma vitória por 2 a 1, de virada, sobre o Juventude, ontem à noite, no Serra Dourada, em Goiânia, o Atlético-GO garantiu a liderança na penúltima rodada do 1º turno da Série do Brasileiro. Com 36 pontos, o time ainda pode ser alcançado pelo Vasco na pontuação, mas não no número de vitórias. Os gols do Atlético-GO foram de Robson e Brasão, enquanto Mendes fez o único do Juventude, que segue na zona do rebaixamento, com 19 pontos.Também ontem, em Fortaleza, a Ponte Preta saiu na frente contra o Ceará, gol de Lins, e sofreu o empate com Geraldo. O empate por 1 a 1 manteve o Ceará na 4ª colocação, com 30, e deixou a Ponte fora do G-4, na 6ª posição, com 27. Nos outros dois jogos de ontem à noite, o Brasiliense bateu o Bragantino por 2 a 1 (gols de Abuda e Moacir para o time de Brasília e Lúcio para o de Bragança), chegou a 26 pontos e assumiu a 8ª posição. O Bragantino segue com 26, agora em 9º. E o Paraná passou fácil pelo Vila Nova por 3 a 0, gols de Gabriel e Rafinha (2), e assumiu a 11ª colocação, com 24. O Vila Nova é o 15º, com 22.Hoje, o campeonato prossegue com mais seis partidas. No tradicional duelo da colônia lusitana, a Portuguesa aposta na estreia do técnico René Simões e na força da torcida para vencer o Vasco às 16h10, no Canindé . O time é o 5º, com 27 pontos, e pode chegar ao G-4. Já o Vasco é vice-líder e quer se manter nesta posição na virada de turno. Em Campinas, o Guarani tenta confirmar a reação contra o Bahia, em confronto que coloca frente a frente dois campeões brasileiros. O time de Campinas está revigorado após a vitória sobre o Ceará, por 2 a 1, e o técnico Osvaldo Alvarez, o Vadão, promete uam formação ofensiva. Já no Bahia, Sérgio Guedes fará muitas mudanças. Após mexer em oito jogadores contra a Ponte, o treinador fará mais cinco alterações nesta partida. No Rio, o Duque de Caxias testa uma invencibilidade de três rodadas contra o Figueirense, que por sua vez perdeu os últimos três jogos. O time carioca tem 23 pontos, na zona intermediária. Já os catarinenses, com 26, estão perto do G-4, mas precisam da vitória para manter, entre outras coisas, o emprego do técnico Roberto Fernandes.Outra equipe que vive bom momento é o São Caetano. Após quatro vitórias seguidas, o time do ABC recebe o Fortaleza e uma nova vitória vai colocar definitivamente o time na briga pelo acesso. Já o adversário vive momento delicado, até com agressão de torcedores a membros da comissão técnica.Na parte de baixo da tabela,em Natal, o penúltimo colocado ABC recebe o lanterna Campinense. No encerramento da rodada, em Ipatinga, o time da casa recebe o América-RN e conta com os gols de Marcelo Ramos, que marcou três nas últimos dois jogos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.