Atlético-MG vence e amplia crise do Vasco

Com o apoio de mais de 50 mil torcedores (48.704 pagantes), que encheram o Mineirão, o Atlético-MG bateu o Vasco por 1 a 0, ontem, e conquistou sua terceira vitória consecutiva. Com o resultado, o time mineiro passou a somar 43 pontos, mesmo número da equipe carioca, e deixou para trás o Sport. Ficou, ainda, mais longe da zona de rebaixamento. O Vasco, ao contrário, vai piorando sua posição no torneio a cada rodada e o técnico Celso Roth corre risco de perder o emprego.A torcida fez sua parte nas arquibancadas e o Atlético ajudou, em campo. Tanto que dominou durante toda o primeiro tempo, foi à frente e não deixouo a defesa do Vasco respirar. A pressão aumentou a partir dos 36 minutos, quando o lateral-esquerdo vascaíno Eduardo foi expulso ao receber o segundo cartão amarelo.No segundo tempo tudo continuou igual, e, aos 2 minutos, o zagueiro e capitão Marcos fez 1 a 0. O Atlético diminuiu o ritmo e passou a controlar o jogo. ''''O Galo não é só técnica. O Galo também é emoção'''', comentou o técnico Emerson Leão .

O Estadao de S.Paulo

22 de outubro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.