Ato pede boicote dos Jogos em Pequim

Manifestantes pacifistas pediram hoje o boicote da Olimpíada de 2008 em Pequim, na China. Eles exibiram cartazes que exigiam a libertação do Tibete, ocupado pelos chineses. Os manifestantes, a maior parte estudantes universitários, aproveitaram a ida do presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge, hoje, à Universidade de Gent, na Bélgica. Ele participou de um encontro com os universitários e acabou sendo surpreendido pela manifestação de protesto, ocorrida na parte externa da universidade belga.

Agencia Estado,

13 de janeiro de 2002 | 18h45

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.