Australiano Taj Burrow vence etapa da elite do surfe em Trestles, na Califórnia

Com o resultado, ele está agora em quarto lugar no ranking mundial, com 35.400 pontos

AE, Agência Estado

18 de setembro de 2013 | 20h44

TRESTLES - O australiano Taj Burrow venceu nesta quarta-feira a sétima das 10 etapas do Circuito Mundial de Surfe, disputada na praia de Trestles, na Califórnia (Estados Unidos). Mas o seu compatriota Mick Fanning também comemorou bastante, ao ultrapassar o norte-americano Kelly Slater e assumir a liderança do ranking da temporada.

Maior nome da história do surfe - aos 41 anos, tem o recorde de 11 títulos mundiais -, Slater foi eliminado precocemente em Trestles e terminou a etapa apenas na 13ª colocação. Como foi um pouco melhor, ao conseguir a nona posição, Fanning assumiu a liderança, agora com 41.900 pontos, contra 40.700 do norte-americano.

Burrow, por sua vez, está agora em quarto lugar no ranking, com 35.400 pontos, atrás também do sul-africano Jordy Smith, de quem ganhou nas semifinais desta sétima etapa do calendário. Em Trestles, o surfista australiano de 35 anos somou sua primeira vitória na atual temporada e a 12ª na divisão de elite do surfe mundial.

Para chegar ao título, Burrow também eliminou o brasileiro Adriano de Souza, conhecido como Mineirinho, na sua primeira bateria desta quarta-feira, ainda pela repescagem. Mesmo com essa derrota, que o fez terminar na nona posição em Trestles, o surfista do Brasil aparece em oitavo lugar no ranking, com 27.500 pontos.

"Eu não poderia estar mais feliz. Eu realmente coloquei todo meu esforço na disputa desta etapa. Sinto que as boas ondas vieram na minha direção e eu estava no lugar certo", comemorou Burrow, após a conquista do título em Trestles, quando venceu a final australiana contra Julian Wilson, de apenas 24 anos, por 17.07 a 15.97.

A próxima etapa do circuito mundial de surfe está prevista para começar no dia 26 de setembro, na França. Depois, o calendário ainda prevê uma disputa em Portugal e o encerramento na lendária praia de Pipeline, no Havaí (EUA).

VEJA COMO FICOU O RANKING MUNDIAL

1º - Mick Fanning (Austrália) - 41.900 pontos

2º - Kelly Slater (Estados Unidos) - 40.700 pontos

3º - Jordy Smith (África do Sul) - 35.700 pontos

4º - Taj Burrow (Austrália) - 35.400 pontos

5º - Joel Parkinson (Austrália) - 32.450 pontos

6º - Josh Kerr (Austrália) - 29.600 pontos

7º - Julian Wilson (Austrália) - 28.850 pontos

8º - Adriano de Souza (Brasil) - 27.500 pontos

9º - C.J. Hobgood (Estados Unidos) - 27.200 pontos

10º - Michel Bourez (Taiti) - 26.500 pontos

10º - Nat Young (Estados Unidos) - 26.500 pontos

Tudo o que sabemos sobre:
surfeesportes radicaisTaj Burrow

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.