Barça vence fora de casa e Messi deixa campo de maca

Time catalão bate o Atlético de Madrid por 2 a 1, argentino faz um dos gols e chora por lesão no tornozelo direito

, O Estado de S.Paulo

20 de setembro de 2010 | 00h00

MADRI

O Barcelona voltou a mostrar que continua muito vivo no Campeonato Espanhol, depois de dar um tremendo vexame ao perder na semana passada para o Hercules por 2 a 0, em pleno Camp Nou. Ontem, apesar de jogar na casa do adversário, o atual bicampeão espanhol bateu o Atlético de Madrid por 2 a 1 e pulou da 12.ª colocação para o 5.º lugar, com seis pontos, três a menos que o líder Valencia.

Mas se vibrou com a vitória, a torcida catalã chora a dor de seu ídolo Messi. O argentino havia marcado um dos gols de seu time e apresentara durante toda a partida um belo recital de jogadas de habilidade, quando, no último minuto, recebeu uma entrada duríssima de seu implacável caçador de ontem, o zagueiro Ujfalusi. O atacante do Barça deixou o gramado de maca, com uma lesão no tornozelo direito.

O técnico Pep Guardiola se mostrou revoltado na entrevista dada logo após a partida. "Só nos resta apelar para que vocês que trabalham nos meios de comunicação falem sobre a agressão que Messi sofreu", pediu.

A atuação de Barcelona no Vicente Calderón não foi tão brilhante como na goleada por 5 a 1 contra o Panathinaikos no meio de semana, pela Copa dos Campeões. Mas ainda assim lembrou o melhor Barça dos anos anteriores, com um futebol envolvente, de toques e saídas rápidas para o ataque. Se não fosse a grande atuação do goleiro De Gea, a equipe catalã poderia ter deixado o Vicente Calderón saboreando uma vistosa goleada.

Messi abriu o placar aos 12 minutos de jogo, e continuou atacando e obrigando o goleiro adversário a fazer importantes defesas. Porém quem acabou marcando foi o Atlético, que chegou ao empate aos 25, com Raúl Garcia. Aos 32, o Barça desempatou com o zagueiro Piqué e mostrou que continua vivo. Vivíssimo.

Mas as atenções dos torcedores também estava voltadas ontem para Alicante. Afinal, todos estavam curiosos para saber se o Hercules manteria seu brilho após derrotar o Barcelona há uma semana atrás. Nada disso. Mesmo em casa, o time perdeu para o líder Valencia por 2 a 1. E pelo mesmo placar, em Valência, o Villarreal derrotou o Levante com uma excelente atuação do brasileiro Nilmar, autor dos dois gols da vitória dos visitantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.