Barueri receberá Circuito Mundial de Rúgbi em 2014

Dois anos antes de sediar pela primeira vez uma disputa de rúgbi numa Olimpíada, o Brasil vai receber uma inédita etapa do Circuito Mundial Feminino de Rúgbi Sevens. O anúncio foi feito nesta quinta-feira pela Associação Internacional de Rúgbi (IRB, na sigla em inglês) e o local escolhido pela Confederação Brasileira de Rúgbi (CBRu) foi a Arena Barueri, localizada na grande São Paulo.

AE, Agência Estado

22 de agosto de 2013 | 12h17

O Circuito, que teve quatro etapas na temporada passada, na próxima vai ganhar mais duas. A competição começa em novembro de 2013 em Dubai (Emirados Árabes Unidos), e em 2014 passa por Atlanta (EUA), Barueri, Guangzhou (China) e Amsterdã (Holanda). A etapa brasileira será nos dias 21 e 22 de fevereiro.

"Este anúncio significa que teremos mais uma grande temporada para o rúgbi sevens feminino, após uma Copa do Mundo de Rúgbi Sevens sensacional e altamente competitiva realizada em Moscou, no último mês de junho. E também um primeiro ano muito sólido do Circuito Mundial Feminino de Rugby Sevens", comemorou o presidente da IRB, o francês Bernard Lapasset.

Com a expansão do Circuito Mundial Feminino, a IRB pretende levar o rúgbi sevens para países emergentes. A modalidade, vale lembrar, estreará nos Jogos Olímpicos no Rio/2016.

"O Brasil se orgulha de ter uma das equipes femininas entre as melhores do mundo e não tenho dúvida de que o evento inicial na Arena Barueri será popular e nos dará uma prévia do que esperar para os Jogos Olímpicos de 2016", comentou Lapasset.

Na última temporada, o Brasil participou das quatro etapas do Circuito no feminino e terminou como 10º colocado. No Mundial do ano passado, caiu numa fase que o colocou entre o 13º e a 16º lugar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.