Basquete alemão vence e fica com última vaga em Pequim

A Federação Internacional de Basquetebolfechou neste domingo os dois grupos para a disputa de basquetemasculino nas Olimpíadas de Pequim, após a vitória da Alemanhasobre Porto Rico, que definiu a última vaga da competição. A Alemanha e a Grécia, que se classificou no sábado, irãojogar no Grupo B, que inclui Angola, a anfitriã China, oscampeões mundiais da Espanha e os EUA, ansiosos para recuperara glória olímpica depois de conquistar o bronze quatro anosatrás. A Croácia, terceira seleção classificada, foi sorteada noGrupo A ao lado da Argentina, campeã olímpica de 2004,Austrália, Irã, Lituânia e a campeã européia Rússia. "Eu não tinha preferência sobre o grupo em que seríamosincluídos", disse Panagiotis Giannakis, técnico da Grécia, aosrepórteres depois do sorteio em Atenas. "Há sete ou oito times que podem conquistar uma medalha;queremos jogar nosso melhor e deixar nossa marca na Olimpíada." A Grécia, apontada por muitos como potencial medalhista,classificou-se com facilidade, vencendo todos em seu grupo epartidas decisivas por uma margem de pelo menos vinte pontos. "Quando você se depara com times fortes como esses, vocêtambém tem a chance de entender melhor sua própria equipe, eisso é bom, queremos isso nas Olimpíadas", disse ele. O técnico alemão, Dirk Bauermann, declarou que seu time nãotem expectativas, apesar de contar com dois jogadores da NBA,Dirk Nowitzki e Chris Kaman. "Não temos expectativas. Estamos simplesmente felizes deser parte da elite, dos melhores times do mundo", disse ele aosrepórteres. Os quatro principais times de cada grupo se enfrentam nasquartas-de-final. A competição masculina começa em 10 de agosto, dois diasapós a abertura oficial dos jogos, e termina no dia 24 deagosto, o último dia da Olimpíada de Pequim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.