Batido no Gre-Nal, Inter encara o Santa Cruz para encerrar jejum de vitórias

Batido pelo arquirrival Grêmio, em casa, ma rodada passada do Brasileirão, o Inter soma quatro derrotas e um empate nos últimos jogos. Para não ficar distante do G4, o time precisa acabar com esse jejum de vitórias neste domingo, às 16 horas, contra o Santa Cruz, no estádio Arruda, pela 14ª rodada da competição.

Estadão Conteúdo

10 de julho de 2016 | 07h00

O técnico Argel Fucks minimizou o mau momento. "Estou há quatro anos na Série A. Convivemos o tempo inteiro com pressão. É pressão para ganhar, chegar à Libertadores, para não cair. Os jogadores estão preparados. Funciono muito bem sob pressão. Não costumo me abater. Minha vida diz isso. Com o ambiente hostil, pressão forte, eu me fortaleço. Dou resposta boa", comentou.

Durante a semana, o treinador fez questão de abrir o treino para a imprensa e comandar os coletivos com praticamente os mesmos titulares todos os dias. O zagueiro Ernando chegou a ser poupado de uma atividade para fazer fortalecimento muscular, mas está confirmado na equipe.

As principais novidades em relação aos últimos jogos estão no setor ofensivo. O meia Gustavo Ferrareis ganhou a vaga do venezuelano Seijas, titular nas derrotas para o Flamengo e Grêmio, ambas por 1 a 0. No ataque, Ariel também ganhará uma chance e atuará entre Eduardo Sasha e Vitinho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.