Bellucci chega disposto a manter boa fase

O brasileiro Thomaz Bellucci chegou ontem a Londres disposto a manter a boa fase na Olimpíada. Depois de um início de temporada ruim - sete derrotas em sete estreias de torneio -, o tenista conseguiu 13 vitórias em 14 jogos, incluindo o recente Torneio de Gstaad, que o colocou entre os 40 melhores no ranking da Associação de Tenistas Profissionais (ATP).

LONDRES, O Estado de S.Paulo

24 de julho de 2012 | 03h03

"Estou conseguindo concretizar as metas que eu e o (Daniel) Orsanic estabelecemos para este segundo semestre. Foi um bom começo. Os títulos de Braunschweig e Gstaad e as semifinais em Stuttgart só nos confirmaram que estamos no caminho certo", disse o tenista, comemorando o sucesso da parceria com seu novo técnico. "Vamos seguir trabalhando para buscar novos e bons resultados nesta temporada", observou o brasileiro.

Bellucci chegou a Londres disposto a trabalhar duro o mais rápido possível. "A expectativa de chegar é grande. Fiquei mais de 2h30 no ônibus (entre o Aeroporto de Heathrow e a Vila Olímpica). Agora é descansar um pouco, ir se adaptando ao clima olímpico e já treinar amanhã (hoje)."

Adaptação. O desafio será a adaptação do saibro, onde atuou nas últimas competições, para a grama do All England Club, palco do Grand Slam de Wimbledon. "Agora tenho uma confiança extra, uma semana para treinar na grama e me adaptar. É muito importante para mim disputar a Olimpíada, defender meu país. Tomara que eu consiga manter esse nível em Londres", finalizou.

Com a conquista do torneio de Gstaad, Bellucci subiu 20 posições no ranking e é o atual número 40 do mundo. Nas duplas, o brasileiro também teve um progresso expressivo - 43 posições. Agora, ele ocupa a 173ª posição no ranking da ATP, atualizado sempre às segundas-feiras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.