Bellucci perde chance de ir às quartas em Miami

Bellucci perde chance de ir às quartas em Miami

Brasileiro cometeu erros exagerados e sucumbiu a Nicolas Almagro em torneio considerado o 5º Grand Slam do ano

, O Estadao de S.Paulo

31 de março de 2010 | 00h00

MIAMI

Thomaz Bellucci perdeu a melhor chance de sua carreira para chegar às quartas de final de um torneio que só perde em importância para os Grand Slams. O paulista quebrou o serviço do espanhol Nicolas Almagro no set decisivo do confronto de ontem nas quadras do Crandon Park, mas não conseguiu manter a vantagem e perdeu a partida em tie-break desastroso: parciais de 6/4, 3/6 e 7/6 (7/3).

O jogo tinha tudo para dar de novo uma posição entre os 30 melhores do mundo a Bellucci, atual 32.º do ranking. Sol forte, pouco vento, um adversário com ranking inferior e, principalmente, uma torcida brasileira muito empolgada na capital latina dos Estados Unidos.

O paulista teve a vantagem nos dois sets vencidos por Almagro, 38.º melhor tenista do planeta, mas não soube manter a consistência e a tranquilidade para vencer. Errou muito, principalmente no tie-break final, em que cinco dos sete pontos do adversário foram conquistados em erros não forçados.

Na primeira parcial, Bellucci abriu 3 a 0, mas deixou o espanhol recuperar-se e virar. No segundo set, Almagro reclamou de um torcedor brasileiro que estaria proferindo ofensas ao jogador. O indivíduo foi ameaçado pela segurança do torneio e calou-se. Vitória de Bellucci. No set final tudo parecia transcorrer rumo a uma vitória do brasileiro quando Almagro começou apenas a passar a bola para o outro lado da quadra e aproveitou-se dos excessivos erros do rival.

Agora Nicolas Almagro enfrenta Andy Roddick nas quartas de final. O americano, 8.º do ranking, não teve muitas dificuldades para bater o alemão Benjamin Becker: 7/6 (7/4) e 6/3.

Rafael Nadal também se classificou. O espanhol bateu o compatriota David Ferrer em dois sets: 7/6 (7/5) e 6/4. Youzhny, Soderling e Tsonga também garantiram uma vaga nas quartas de final. O russo bateu Mardy Fish, o sueco passou por Fernando Gonzalez e o francês superou o espanhol Juan Carlos Ferrero.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.