Bellucci vence, e Djokovic fica mais perto de recorde

Brasileiro leva mais de 3 horas para superar 44º do mundo e sérvio chega a 38ª vitória em 2011. [br]Hoje, Rafael Nadal estreia

, O Estado de S.Paulo

24 de maio de 2011 | 00h00

PARIS

Sobrou apenas um brasileiro no torneio de simples de Roland Garros. Thomaz Bellucci derrotou o cazaque Andrey Golubev por 6/4, 6/4, 6/7 (4) e 7/6 (5). O outro tenista do País na competição, Ricardo Mello, deu trabalho, mas foi eliminado pelo americano Mardy Fish por 6/2, 6/7 (11), 6/2 e 6/4.

Entre os líderes do ranking, nenhuma surpresa: o sérvio Novak Djokovic e o suíço Roger Federer venceram. O espanhol Rafael Nadal, número 1 do mundo, entra em quadra hoje. Encara o gigante americano John Isner, de 2,06 metros, 39.º no ranking.

A 1ª vitória exigiu muito de Bellucci, 25.º do mundo, que precisou de 3h18 para superar Golubev, 44.º no ranking da Associação de Tenistas Profissionais.

"Já esperava um jogo muito duro contra o Golubev", explicou o brasileiro. "Ele pega forte e tive de ficar atento o jogo todo para não dar chance. Foi importante ter mantido a concentração do início ao fim. Acho que o meu ponto principal foi a defesa. Se não tivesse defendido bem, não teria vencido", avaliou.

O próximo adversário é o italiano Andreas Seppi, 51.º do mundo, para quem Bellucci perdeu no ano passado, em Hamburgo. "Contra o Seppi, vou ter de manter a mesma concentração de hoje (ontem) e jogar sólido. O italiano é muito regular, então vai ser de novo mais uma parada dura", prevê o brasileiro.

Ricardo Mello não teve a mesma sorte. Apesar de ter resistido por mais de três horas, foi eliminado por Mardy Fish por 3 sets a 1. "Consegui deixar o jogo bom quando venci o segundo set, mas não aproveitei o momento e deixei o Fish crescer de novo. Depois disso, ele passou a jogar e a sacar muito melhor. Uma pena...", lamentou.

Mais uma. O sérvio Novak Djokovic somou ontem a 38ª vitória na temporada e a 40.ª consecutiva ao derrotar o holandês Thiemo de Bakker por 6/2, 6/1 e 6/3. Está a quatro vitórias do recorde de John McEnroe de 1984, quando ficou 42 partidas sem perder.

Federer passou pelo espanhol Feliciano Lopez, por 6/3, 6/4 e 7/6 (3) e segue na disputa do título na França.

Feminino. Campeã de Roland Garros em 2010, a italiana Francesca Schiavone derrotou a norte-americana Melanie Oudin por 6/2 e 6/0 . A número 1 do mundo, a dinamarquesa Caroline Wosniacki, ganhou da japonesa Kimiko Date-Krumm por 6/0 e 6/2.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.