Benfica virá, novamente, atrás de Felipe

Clube tentou contratar o goleiro em 2008. Agora, pagaria até R$ 8,2 mi

Fábio Hecico, O Estadao de S.Paulo

22 de junho de 2009 | 00h00

O sonho é antigo, desde a janela de transferências internacionais de julho de 2008. Agora, um ano depois, o Benfica pode concretizar o sonho de contratar o goleiro Felipe, em alta no Corinthians. Dirigentes do clube português estão dispostos a abrir os cofres pelo "guarda redes". É um sonho do presidente do clube, Luís Filipe Vieira."Conversamos desde o ano passado com o Benfica, dirigentes do clube nos pediram material sobre o Felipe", afirmou Bruno Paiva, um dos agentes do camisa 1. "Temos um relacionamento bom com o pessoal do Benfica, pois já tentaram contratar outros jogadores nossos, mas posso te garantir que agora não há nada de concreto."De acordo com a imprensa portuguesa, a nova investida viria na próxima semana. O Benfica estaria dispostos a oferecer 3 milhões (cerca de R$ 8,2 milhões). Mandaria uma proposta oficial para o presidente Andrés Sanchez, bem diferente da simples consulta ao zagueiro Chicão, feita há alguns dias.Durante a semana, em entrevista à rádio Globo, Felipe fez juras de amor ao Corinthians, disse que pretendia ficar e disputar uma Libertadores - o time está perto da vaga após os 2 a 0 no Inter na primeira partida da decisão da Copa do Brasil -, mas deixou no ar a única possibilidade de transferência do Parque São Jorge: "Se vierem com caminhão de dinheiro..."Felipe é um dos jogadores mais antigos do atual elenco - chegou em abril de 2007. Já passou por momentos conturbados no clube, como o rebaixamento no Brasileiro de 2007 e a derrota na decisão da Copa do Brasil de 2008, diante do Sport. Agora novamente está com prestígio em alta. É um dos nomes mais cantados pela torcida, à qual quer recompensar a falha diante dos pernambucanos com a taça no dia 1º de julho em Porto Alegre."Antes da decisão, não falamos em negociação. Até lá ninguém chega e ninguém sai", adiantou o diretor de futebol Mário Gobbi. O Corinthians sabe, entretanto, que perderá algumas peças importantes para o mercado europeu. E conta com isso, já que precisa reforçar seu caixa. Felipe, Dentinho, André Santos e Douglas são os nomes mais cotados para serem negociados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.