Bielo-russo é expulso dos Jogos

O chefe da delegação da Bielo-Rússia, Yaroslav Barichko, foi expulso nesta terça-feira dos Jogos Olímpicos de Inverno de Salt Lake City (EUA). Ele é acusado de acobertar o caso de doping da patinadora de velocidade Julia Pavlovich, cujo exame preliminar havia apresentado resultado positivo para nandrolona, um esteróide anabolizante proibido pela legislação esportiva. Além de excluir o dirigente dos Jogos, o diretor geral do Comitê Olímpico Internacional (COI), Francois Carrard, anunciou em entrevista coletiva que o Comitê Olímpico da Bielo-Rússia será multado em US$ 120 mil.Carrar contou que a atleta não se apresentou na segunda-feira para um exame e Barichko faltou a uma reunião com autoridades do COI para qual havia sido expressamente convocado. ?A atleta desapareceu de manhã e sabemos que ela havia tido contato com o chefe da delegação?, comentou o dirigente. A atleta havia sido convocada para um novo exame por causa de uma suposta falha na coleta do material. O frasco que continha a amostra de urina usada para análise não teria sido fechado da maneira adequada. Por conta disso, os dirigentes do COI admitem a possibilidade de não punir a atleta. O exame preliminar apontou a presença da nandrolona 380 vezes superior ao limite aceito pelo COI. Veja a galeria

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.