Bolt consegue vitória apertada nos 100m em Zurique

Bolt consegue vitória apertada nos 100m em Zurique

Brilhante no Mundial de Moscou, jamaicano superou conterrâneo com 9s90 na Liga Diamante

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2013 | 17h05

ZURIQUE - Menos de duas semanas depois de ter brilhado no Mundial de Atletismo de Moscou, quando conquistou três medalhas de ouro, Usain Bolt voltou a competir nesta quinta-feira, ao disputar a penúltima etapa da Liga Diamante, em Zurique, na Suíça. E confirmou o favoritismo com uma vitória apertada nos 100 metros, ao cravar o tempo de 9s90, superando o também jamaicano Nickel Ashmeade (9s94) e o norte-americano Justin Gatlin (9s96), que completaram o pódio.

No Mundial encerrado no dia 18 de agosto, Bolt foi campeão dos 100 metros, 200 metros e revezamento 4x100 metros, escrevendo mais um capítulo de sua brilhante carreira. Assim, passou a ter o recorde de oito medalhas de ouro na história da competição - também tem outras duas de prata.

Em Zurique, ele esteve longe do seu recorde mundial de 9s58, conseguido em 2009, e também do tempo que cravou na final em Moscou, quando venceu com 9s77. Mas fez o suficiente para somar mais uma vitória para o seu currículo - dessa vez, com uma vantagem mais apertada do que costuma acontecer.

Agora, o astro jamaicano ainda pretende disputar a última das 14 etapas da Liga Diamante, circuito mundial que reúne a elite do atletismo, que está marcada para acontecer no dia 6 de setembro, em Bruxelas, na Bélgica. Depois, Bolt deve encerrar a temporada e entrar em merecidas férias.

Outra jamaicana que ganhou nesta quinta-feira foi Shelly-Ann Fraser-Pryce, que também conquistou três medalhas de ouro no Mundial de Moscou (100 metros, 200 metros e revezamento 4x100 metros). Em Zurique, ela ficou com o título da prova dos 200 metros, ao fazer o tempo de 22s40.

Nos 400 metros, o norte-americano Lashawn Merritt também manteve a boa fase e comprovou o favoritismo. Depois de ter sido campeão mundial da prova em Moscou, quando ainda levou ouro no revezamento 4x400 metros, ele ficou com a medalha de ouro em Zurique ao cravar a marca de 44s13.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoUsain BoltLiga Diamante

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.