Pedro Ugarte/ AFP
Pedro Ugarte/ AFP

Bolt larga mal e sua para ir à final dos 100m; Gatlin passeia e avança

Jamaicano chegou a ser penúltimo durante prova, mas terminou líder

Estadão Conteúdo

23 Agosto 2015 | 08h45

Grande nome do atletismo nos últimos anos, e um dos maiores da história, Usain Bolt deu um susto e quase ficou de fora da final dos 100m no Mundial de Pequim. Na semifinal deste domingo pela manhã (horário de Brasília), o jamaicano não largou bem e só se recuperou no fim, garantindo uma vaga suada para a final que acontecerá nas próximas horas.

Bolt errou nas primeiras passadas, pareceu se desequilibrar e chegou a cair para a penúltima posição da primeira bateria. No entanto, com a velocidade que lhe é característica, o jamaicano se recuperou, ultrapassou seus concorrentes e terminou na primeira posição, praticamente empatado com o canadense Andre de Grasse, já que ambos cravaram 9,96s.

A reação de Bolt, ao balançar a cabeça negativamente após a linha de chegada, dava conta da insatisfação do jamaicano com seu desempenho. Ele tenta acabar com as dúvidas sobre seu estado físico, depois de uma temporada para esquecer em 2014, justamente por conta de uma série de lesões, e de um início de ano apagado em 2015.

Mas se Bolt deixou dúvidas por seu desempenho, o norte-americano Justin Gatlin parece viver seu auge, mesmo aos 33 anos. Sem nenhuma dificuldade, o velocista passeou na pista na segunda bateria da semifinal e venceu com incríveis 9,77s, conseguindo o melhor tempo da competição até o momento.

A marca foi ainda mais significativa se levarmos em conta o fato de que Gatlin se poupou claramente nos últimos metros, já ciente de que estava classificado para a grande final. Foi o segundo melhor tempo do ano na prova, atrás dos 9,74 do próprio norte-americano em Doha, em maio.

Na terceira e última bateria de semifinal, nenhuma grande surpresa. O norte-americano Tyson Gay faturou a primeira colocação com o tempo de 9,96s, seguido de perto pelo jamaicano Asafa Powell, que ficou um centésimo atrás e também se classificou. Além de Bolt, Gatlin, Gay e Powell, De Grasse, Mike Rodgers, Jimmy Vacaut, Trayvon Bromell e Bingtian Su avançaram para a final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.