Boxe brasileiro dá show e garante oito medalhas

Segunda-feira é marcada por excelente desempenho brasileiro no ringue

23 de julho de 2007 | 22h11

O intercâmbio com Cuba deu resultado, e o boxe brasileiro apresenta um ótimo desempenho nos Jogos pan-americanos, já que oito pugilistas estão classificados às semifinais de suas respectivas categorias.   Veja também:  O quadro de medalhas Os detalhes das modalidades em disputa    Depois das classificações de Davi Souza e Myke Carvalho, Glaucélio Abreu, Rafael Lima e Rogério Nogueira, o Minotouro, concluíram o "esquadrão' brasileiro no boxe, nesta segunda-feira, no Riocentro.   Glaucélio Abreu teve uma luta complicada diante de Clarence Joseph, das Ilhas Virgens, pela categoria até 75 kg (médio). A vitória foi conquistada somente nos segundos finais do terceiro round, com 13 a 12 em favor do brasileiro.   Já Rafael Lima não teve trabalho algum para derrotar o canadense Sébastien Lalumière por 18 a 5, na categoria até 91 kg (pesado). O pugilista brasileiro nitidamente segurou a luta no último round, pensando na semifinal. "Eu lutei bem, mas sei que posso fazer muito melhor. Eu treinei muito e estou preparado para conquistar a medalha de ouro", disse o pugilista.   Na última luta da noite, Minotouro venceu o venezuelano Jonny Molina por 18 a 6, mostrando estar completamente adaptado ao boxe, já que sua especialidade é o vale-tudo, estilo que seu irmão, Minotauro, é famoso. Confira as semifinais dos brasileiros:   Terça-feira   Categoria até 54 kg - James Dean Pereira x Carlos Ortiz Orti (POR)Categoria até 60 kg - Everton Lopes x Jose Gonzalez (POR)Categoria até 69 kg - Pedro Lima x Ricardo Smith (JAM)   Quarta-feira   Categoria até 57 kg - Davi Souza x Abner Cotto-Roman (POR)Categoria até 64 kg - Myke Carvalho x Karl Dargan (EUA)Categoria até 75 kg - Glaucélio Abreu x Argenis Nuñez (DOM)Categoria até 91 kg - Rafael Lima x Osmay Acosta (CUB)Categoria mais de 91 kg - Rogério Nogueira x Robert Alfonso (CUB)

Tudo o que sabemos sobre:
boxePan 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.