Boxe brasileiro tem uma vitória e uma derrota na disputa do Mundial Feminino

A nobre arte brasileira somou uma vitória e uma derrota, nesta sexta-feira, no segundo dia do Mundial de Boxe Feminino, que está sendo disputado em Nova Déhli, na Índia. A peso-galo (até 54kg) Jucielen Romeu venceu a argelina ElHouda Baahmed, por pontos, após cinco rounds, em decisão unânime dos jurados: 30/25, 30/26 (duas vezes) e 30/27 (duas vezes). A próxima adversária, neste domingo, será a russa Viktoria Kueshova.

Estadao Conteudo

16 de novembro de 2018 | 16h58


Depois de vencer na estreia, a peso leve (até 60kg) Beatriz Ferreira perdeu para a sul-coreana Yeonji Oh, atual campeã asiática, por pontos, em decisão dividida: 3 a 2 (30/27, 27/30, 28/29, 29/28 e 29/28).


O boxe brasileiro volta ao ringue neste sábado com Grazieli Jesus de Souza. A peso mosca (até 51kg) terá pela frente a mongol Altantsetseg Lutsaikhan. Na segunda-feira será a vez da peso meio-médio-ligeiro Gleicielle Gomes, que vai enfrentar a turca Sema Caliskan.


As lutas poderão ser vistas, ao vivo, por intermédio do site da AIBA (Associação Internacional de Boxe, na sigla em inglês) ou do canal do YouTube da Federação Indiana de Boxe. O Mundial vai até o próximo dia 24 e reúne 277 atletas, de 63 países.

Tudo o que sabemos sobre:
boxe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.