Boxe: Ruiz enfrenta gigante russo

O pugilista portorriquenho John Ruiz deverá ter muita dificuldade para acertar o supercílio de seu adversário na luta de sábado, em Berlim, quando vai defender o cinturão da Associação Mundial de Boxe (AMB). É que o desafiante - o russo Nikolay Valuev, 32 anos - tem nada menos que 2,13 metros de altura e na pesagem desta sexta-feira chegou a 150 Kg. ?Ele tem a cabeça do tamanho de um Fusca?, assustou-se Ruiz. ?Em compensação vai ser difícil errar?, brincou.Chamado de ?A Besta do Leste?, Valuev tem 42 vitórias - 31 por nocaute - e se transformou no campeão mais alto e pesado de todos os tempos. Com reputação de ser ágil apesar do tamanho, o russo já jogou basquete e praticou lançamento de disco.Apesar de ter em seu cartel vitórias sobre Evander Holyfield, Hasim Rahman e Andrew Golota, Ruiz acha que uma vitória no sábado vai lhe dar o respeito definitivo no boxe. ?Vão falar muito mais de mim se eu ganhar?, presume. Com ?míseros? 1,83 de altura, Ruiz garante que não vai mudar sua forma de lutar. ?Sem dúvida vai ser complicado, mas eu sei como superar. Já saí de situações complicadas antes?, garantiu o portorriquenho, que soma 41 vitórias (28 por nocaute), seis derrotas e um resultado anulado e conquistou o título mundial pela primeira vez em agosto de 2000.Don King, o promotor do combate, lembra que este seria um cenário pouco provável há uma década, quando Valuev viajava por toda Rússia lutando por migalhas. ?Era um pugilista de experiência, mas precisava de um bom promotor?, disse. Sobre a luta, Valuev é claro. ?Não vou dar nenhuma oportunidade a ele. Sempre uso a minha estatura e não vejo razão para que seja diferente agora?, concluiu. LAILA: Uma das preliminares do combate entre Ruiz x Valuev será feita por Laila Ali - a filha do lendário Mohamed Ali. Laila vai enfrentar a sueca Asa María Sandell - uma ex-jornalista que tem um cartel nada além de modesto, com 5 lutas e três vitórias. Foto/APLaila Ali: "Sou a melhor".A norte-americana, de 27 anos, é a principal estrela do boxe feminino desde outubro de 1999, quando começou. Hoje tem três títulos mundiais da categoria meio-pesado e ganhou todos os seus 21 combates - 16 por nocaute.Sandell, 38 anos, vai substituir a ucraniana Anschelika Torska, que desistiu da luta por conta de uma contusão.?Enfrentar Laila é um sonho, mas acho que tenho condições de vencê-la?, disse a sueca. ?Eu sou Laila Ali. A melhor. E vou nocautear Sandell?, prometeu.

Agencia Estado,

16 de dezembro de 2005 | 14h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.