Bradley Smith surpreende e lidera 1º dia de atividades da MotoGP na França

O primeiro dia de atividades da etapa da França da MotoGP, a quinta das 18 previstas para a temporada 2015, teve um resultado surpreendente. O britânico Bradley Smith, da Yamaha Tech3, desbancou os principais favoritos e terminou a sexta-feira como o piloto mais rápido ao liderar a segunda sessão de treinos livres no circuito de Le Mans.

Estadão Conteúdo

15 de maio de 2015 | 12h49

Na sua melhor volta, Smith, que está apenas em sétimo lugar na classificação no campeonato, registrou o tempo de 1min33s179 para assegurar a liderança do dia. Assim, ele superou o espanhol Jorge Lorenzo. O piloto da Yamaha vem embalado pela vitória na etapa anterior, a espanhola, e foi o segundo mais rápido, com a marca de 1min33s369.

Após liderar o primeiro treino livre desta sexta em Le Mans, o italiano Andrea Dovizioso, da Ducati, concluiu a sexta-feira em terceiro, com 1min33s553, seguido pelo britânico Cal Crutchlow, que fez o tempo de 1min33s652, e garantiu o quarto lugar, à frente do espanhol Marc Márquez, da Honda, com 1min33s670.

Líder do campeonato, o italiano Valentino Rossi, da Yamaha, foi apenas o sexto mais rápido, com o tempo de 1min33s686. Já o espanhol Dani Pedrosa, da Honda, de volta à ação depois de ficar fora das últimas três corridas, ficou em sétimo lugar ao marcar 1min33s725.

O espanhol Pol Espargaró, da Yamaha Tech 3, foi o oitavo, à frente do irmão Aleix, da Suzuki. E a lista dos dez primeiros colocados dos treinos livres desta sexta-feira em Le Mans foi completada pelo colombiano Yonni Hernández, da Pramac Ducati.

Os pilotos voltam ao circuito neste sábado, quando vai ser realizado o treino de classificação, a partir das 9h10 (horário de Brasília). A etapa francesa da MotoGP será disputada no domingo, com a largada às 9 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.