Brasil brilha no vôlei, tênis e atletismo, que termina com caso de doping

Norte-americano Tyson Gay desistiu de disputar o Mundial de Moscou após ser pego no antidoping

O Estado de S. Paulo

15 de julho de 2013 | 10h14

SÃO PAULO - O Brasil teve um fim de semana de conquistas no tênis, com Thomaz Bellucci, no vôlei, com a seleção masculina de vôlei, e no atletismo, com Vitor Hugo dos Santos, que bateu o recorde sul-americano nos 200 metros.

O mesmo dia de glória não teve, porém, o norte-americano Tyson Gay. Principal nome na disputa dos 100 metros no Mundial de Moscou ao lado de Usain Bolt, o norte-americano desistiu da competição após ser flagrado em um exame antidoping.

Enquanto isso, o 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.