Satiro Sodre/ SSPress
Satiro Sodre/ SSPress

Brasil começa Mundial de Piscina Curta com quebra de recordes e vagas em finais

Fernando Scheffer e Guilherme Guido são os principais destaques; revezamento 4x100 livre masculino avança à final

Estadão Conteúdo

11 Dezembro 2018 | 09h22

A natação do Brasil começou bem a disputa do Mundial de Piscina Curta, na cidade de Hangzhou, na China. Na manhã desta terça-feira (final da noite e início da madrugada de terça no horário de Brasília), Fernando Scheffer e Guilherme Guido foram os destaques do primeiro dia de eliminatórias com recordes sul-americanos. O País conquistou vagas em semifinais e finais.

Fernando Scheffer, um dos destaques da natação brasileira em 2018, obteve o terceiro melhor tempo nas eliminatórias dos 400 metros livre, com 3min39s10. Ele melhorou em quase dois segundos (3min30s87) o antigo recorde continental, que era dele mesmo desde agosto. À sua frente ficaram o lituano Danas Rapsys (3min36s65) e o norueguês Henrik Christiansen (3min38s04).

Já Guilherme Guido reduziu em cinco centésimos o seu recorde sul-americano dos 100 metros costas, que também durava desde agosto deste ano. Com 49s57, fez o melhor tempo de classificação da prova e se posicionou bem para tentar ir à final. As semifinais, que também terão Guilherme Basseto (em 13.º) serão ainda nesta terça.

Outros finalistas do dia foram Luiz Altamir (1min51s31), nos 200 metros borboleta - Leonardo de Deus foi eliminado com o 18.º tempo -, Caio Pumputis (1min53s33) e Leonardo Santos (1min53s53), nos 200 metros medley, e o revezamento 4x100 metros livre masculino, que avançou à decisão com o segundo melhor tempo (3min05s70). O time será composto por Matheus Santana, Marcelo Chierighini, Breno Correia e Cesar Cielo, que pode estar disputando a sua última competição de alto nível na natação.

Dois brasileiros estão nas semifinais na prova dos 100 metros peito. Felipe Lima conseguiu o quinto melhor tempo, com 57s14, e João Gomes Júnior, com 57s62, foi o 15.º.

Já três brasileiras foram eliminadas nas eliminatórias. Etiene Medeiros, com 58s62, terminou os 100 metros costas com o 21.º tempo. Nos 200 metros livre, Manuella Lyrio ficou em nono, a uma posição da final, com o tempo de 1min54s87, e Larissa Oliveira foi a 11.ª com 1min54s88.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.