Rafael Ribeiro/CBF
Rafael Ribeiro/CBF

Brasil conhece adversários no Mundial de Futebol Feminino

Sob o comando do técnico Vadão, seleção brasileira enfrentará Coreia do Sul, Espanha e Costa Rica no Grupo E

Estadão Conteúdo

06 de dezembro de 2014 | 17h00

A Fifa realizou neste sábado o sorteio das chaves da próxima edição do Mundial de Futebol Feminino, que acontecerá de 6 de junho a 5 de julho do ano que vem, no Canadá. No evento realizado na cidade canadense de Ottawa, o Brasil conheceu seus adversários no campeonato: enfrentará Coreia do Sul, Espanha e Costa Rica no Grupo E.

Sob o comando do técnico Vadão, a seleção brasileira fará a estreia contra a Coreia do Sul, em 9 de junho, em Montreal. Depois, pega a Espanha no dia 13, na mesma cidade. E, por fim, enfrenta a Costa Rica, no dia 17, em Moncton. A expectativa é de que o Brasil, com o talento de Marta, consiga a classificação com tranquilidade.

Ao todo, os 24 participantes foram divididos em seis chaves. Campeão da última edição, realizada em 2011, na Alemanha, o Japão caiu no Grupo C, ao lado de Suíça, Camarões e Equador. O anfitrião Canadá está no A, junto com China, Nova Zelândia e Holanda. E os sempre favoritos Estados Unidos ficaram no D, com Austrália, Suécia e Nigéria.

Pelo regulamento, as seleções que ficarem nas duas primeiras posições de seus grupos avançam às oitavas de final, assim como os quatro melhores terceiros colocados. Depois disso, começam os confrontos eliminatórios. Os jogos serão em seis cidades canadenses: Ottawa, Moncton, Montreal, Winnipeg, Edmonton e Vancouver.

CONFIRA OS GRUPOS DO MUNDIAL

Grupo A - Canadá, China, Nova Zelândia e Holanda

Grupo B - Alemanha, Costa do Marfim, Noruega e Tailândia

Grupo C - Japão, Suíça, Camarões e Equador

Grupo D - Estados Unidos, Austrália, Suécia e Nigéria

Grupo E - Brasil, Coreia do Sul, Espanha e Costa Rica

Grupo F - França, Inglaterra, Colômbia e México

Tudo o que sabemos sobre:
futebolfutebol femininoFifaMundial

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.