Brasil deslancha no 2º tempo e vence na estreia do handebol feminino

Meninas festejam bom começo diante de Porto Rico: 38 a 21

Paulo Fávero, enviado especial a Toronto, Estadão Conteúdo

16 de julho de 2015 | 14h16

A seleção brasileira feminina de handebol, atual campeã mundial, começou com vitória nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. A equipe bateu Porto Rico por 38 a 21, nesta quinta-feira, confirmando o seu favoritismo. Neste sábado, a equipe volta à quadra para enfrentar o Canadá, às 12h30 (horário de Brasília). Já o time masculino estreia nesta sexta-feira, contra o Canadá, às 12h30.

O Brasil iniciou a partida desatento e com muitos erros. Só por isso que Porto Rico, um time sem tradição no handebol, conseguiu equilibrar o duelo. Se não fosse a goleira Babi, que defendeu um tiro de sete de metros, as adversárias teriam iniciado na frente. Mas aos poucos a seleção foi se encontrando e passou a fazer os gols, principalmente nos contra-ataques das pontas Fernanda, Jéssica Quintino e Célia Coppi. E foi assim que a equipe abriu 15 a 10 no primeiro tempo.

Na etapa final, o time deslanchou no placar, acertou a mira nas finalizações e impôs uma larga vantagem. Os gols das pontas Fernanda, Jéssica e Alexandra ajudaram a ampliar o marcador e no final o Brasil fez 23 a 11 no período, fechando o jogo em 38 a 21. 

O duelo foi importante também para o técnico Morten Soubak testar variações táticas na equipe, como a ponta-direita Alexandra de armadora na posição de meia. Ele também fez alterações durante a partida no posicionamento da ponta Fernanda na marcação. Com isso, ela ganhou mais liberdade para puxar os contra-ataques e foi a artilheira do time com 6 gols - ao lado de Jéssica e Alexandra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.