Brasil domina natação nos Jogos Sul-Americanos

O Brasil dominou quase por completo as disputas da natação nos Jogos Sul-Americanos, que este ano acontecem na cidade colombiana de Medellín, conquistando oito das dez medalhas de ouro distribuídas nesta sexta.

EFE

27 Março 2010 | 02h25

Entre as mulheres, destaque para Joanna Sá, que levou duas medalhas de ouro individuais, nos 400 metros livres e nos 200 metros medley, além de ter participado da equipe do revezamento 4x200, que também foi campeã (além de Joanna, o time teve Tatiana Barbosa, Sarah Correa e Paula Daynara).

Ana Carvalho levou o ouro nos 50 metros peito, fazendo uma dobradinha brasileira com Alessandra Marchioro, que levou a prata. Outra dobradinha, desta vez com ouro e bronze, veio com Paula Daynara e Daiene Dias, nos 200 metros borboleta.

No masculino, ouro e prata para o Brasil nos 800 metros livres, com Lucas Kanieski e Luis Arapiraca, respectivamente. Outra dobradinha foi nos 200 metros costas, com Leonardo de Deus (ouro) e Thiago Pereira (prata).

Nos 100 metros peito masculino, mais duas medalhas brasileiras. Felipe Silva subiu ao degrau mais alto do pódio, e João Gomes ficou com o bronze.

Os únicos atletas de outros países que conquistaram medalhas douradas na natação nesta sexta foram o venezuelano Albert Subirats (50 metros borboleta, prova na qual o brasileiro Glauber Silva levou a prata) e o argentino Federico Grabich (200 metroslivres, com Nicolas Oliveira levando o bronze).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.