Flávio Moraes/CBFS
Flávio Moraes/CBFS

Brasil é campeão do Grand Prix de Futsal nos pênaltis

Em jogo disputado, decisão contra a Rússia terminou empatada

AE, Agência Estado

27 de outubro de 2013 | 12h48

MARINGÁ - A seleção brasileira conquistou neste domingo o título da oitava edição do Grand Prix de Futsal, realizado no Ginásio Chico Neto, em Maringá, no interior do Paraná. Na final, a equipe da casa derrotou a Rússia na disputa de pênaltis, após empates por 2 a 2 no tempo normal e 1 a 1 na prorrogação, para vencer a competição pela sétima vez. O Brasil abriu o placar da decisão aos 48 segundos, com o gol marcado por Rodrigo, mas levou a virada no primeiro tempo, com os gols feitos por Cirilo e Eder Lima para a Rússia. Na segunda etapa, a seleção brasileira voltou a marcar um gol logo no começo, dessa vez com Fernandinho, aos 14 segundos.

Na prorrogação, o Brasil ficou em vantagem com o gol de Falcão aos três minutos do primeiro tempo extra. Mas o placar voltou a ficar igual, agora em 3 a 3, com o gol de Eder Lima para a Rússia, quando faltavam menos de três minutos para o fim do segundo tempo extra. Assim, a definição do Grand Prix de Futsal seguiu para a disputa de pênaltis, vencida pela seleção brasileira por 4 a 2. Além de Daniel, responsável, pela última cobrança, Fernandinho, Dyego e Falcão marcaram para o Brasil, enquanto Rodrigo parou no goleiro Gustavo. Já a Rússia perdeu dois pênaltis, com Eder Lima e Fakhrutdinov, este último defendido por Djony.

Tudo o que sabemos sobre:
futsalGrand PrixBrasilRússiaRio 2016

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.