Brasil é campeão sul-americano de vôlei de praia

O Brasil conquistou tanto no masculino quanto no feminino o título do Circuito Sul-Americano de Vôlei de Praia, que terminou neste domingo depois de nove etapas, a última delas em Sobral (CE). Entre os mulheres a conquista já estava definida, mas entre os homens a definição do campeão veio apenas neste fim de semana.

AE, Agência Estado

30 Junho 2013 | 16h36

Com diversas trocas nas formações das duplas que representaram o Brasil, a CBV (Confederação Brasileira de Vôlei) teve dificuldades de achar as melhores combinações. Só nas duas últimas etapas é que Thiago e Oscar decolaram e conquistaram dois títulos.

Pelo formato da competição, apenas o melhor resultado por país conta. Assim, o Brasil chegou a 1.600 pontos, seguido por Chile (1.540) e Venezuela (1.440). O título para o País só foi definido na decisão da etapa de Sobral, quando Thiago e Oscar venceram Marco Grimalt/Esteban Grimalt, do Chile, por 2 a 0 (21/16 e 22/20).

No feminino, o Brasil já havia conquistado o título por conta do ótimo desempenho de Fernanda Berti/Elize Maia, que disputou nove etapas, fez sete finais e conquistou quatro títulos. Em Sobral, Neide e Carol Horta passaram pelas favoritas nas quartas, foram até a final, mas perderam para as argentinas Ana Gallay e Georgina Klug por 2 a 0, com um duplo 21/13.

Entre os destaques da competição em Sobral estava a estreia oficial de Mari Paraíba, ex-jogadora de vôlei de quadra. Jogando ao lado de Natasha, ela perdeu a primeira partida para as chilenas Zapata e Pasdirek, se recuperou vencendo as bolivianas Pavisic e Lobo, mas caiu nas quartas de final, derrotada pela dupla argentina Ana Gallay/Georgina Klug.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.