Brasil e Portugal se enfrentam em final após 20 anos

Após vinte anos, Brasil e Portugal voltam a se enfrentar para saber qual é a melhor seleção sub-20 do planeta. Em 1991, em terras lusitanas, os donos da casa ficaram com o título, após vitória nos pênaltis por 4 a 2 (0 a 0 no tempo normal).

, O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2011 | 00h00

O resultado, se não foi determinante, marcou o futuro dos jogadores das duas equipes. Vencedor, o time português sagrou-se bicampeão seguido da categoria, e os jovens passaram a ser a "geração de ouro". Liderados por Luis Figo, Rui Costa e João Pinto, Portugal voltou a alcançar glórias que não via desde Eusébio.

Com a base daquela equipe, Portugal chegou às semifinais da Eurocopa em 2000, e da Copa de 2006. Além disso, foi finalista - e perdeu dentro de casa, sob o comando de Luiz Felipe Scolari - a Euro de 2004.

Do time vice-campeão em 1991, Roberto Carlos e o atacante Élber tornaram-se jogadores de renome internacional.

BRASIL - Gabriel; Danilo, Bruno Uvini, Juan e Gabriel Silva; Fernando, Casemiro, Philippe Coutinho e Oscar; Willian e Henrique. Técnico: Ney Franco

PORTUGAL - Mika; Nuno Reis, Roderick, Cedric e Mario Rui; Pele, Julio Alves, Danilo e Sergio Olveira; Nelson Oliveira e Alex. Técnico: Ilídio Vale

Árbitro- não divulgado pela organização; Local- Estádio Nemesio Camacho, o El Campín, em Bogotá (Colômbia); Data -20 de agosto de 2011 (Sábado); Horário- 22h (de Brasília)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.