Brasil embalado encara o México na semifinal do Mundial sub-20

Após eliminar a Espanha, time de Ney Franco joga nesta quarta-feira por vaga na final da categoria

, O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2011 | 00h00

PEREIRA / COLÔMBIA - Ainda no clima de euforia pela vitória sobre a Espanha nos pênaltis, domingo à noite, o Brasil volta a campo nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), contra o México, na semifinal do Campeonato Mundial Sub-20, no Estádio Hernan Ramirez Villegas, em Pereira.

Contra os mexicanos, o Brasil tenta chegar pela sétima vez a uma final de Mundial. Em 17 edições do torneio, a equipe foi campeã em quatro (83, 85, 93 e 2003), e vice em três (91, 95 e 2009).

Os times se reencontram em uma semifinal após 34 anos. Em 1977, os mexicanos eliminaram o Brasil nos pênaltis por 5 a 3, em torneio realizado na Tunísia.

Assim como na partida contra a Espanha, o Estádio Hernan Ramirez Villegas deve estar lotado. Segundo os organizadores, quase todos os ingressos foram vendidos.

O México teve mais facilidade nas quartas de final, embora contra os anfitriões, fazendo 3 a 1 na Colômbia.

Na outra semifinal, às 19 horas, Portugal e França se enfrentam, em Medellín. Os times eliminaram Argentina e Nigéria, nas quartas. O time português segue sem sofrer gols na competição e o goleiro Mika, ao lado do brasileiro Gabriel, disputa o título de melhor do torneio.

Os vencedores destes confrontos semifinais se enfrentam, sábado, em Medellín.

Confiança. O técnico Ney Franco demonstrou ontem convicção de que sua equipe está preparada para chegar à final. "Esta equipe amadureceu taticamente. Nós sabíamos como reagir para neutralizar o jogo espanhol e podemos fazer isso novamente contra o México."

"Contra a Espanha, vencemos com o coração", disse o volante Danilo, mostrando o sentimento da equipe após a vitória dramática de domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.