Brasil estreia com derrota no polo aquático feminino

Diante da Holanda, atual campeã olímpica, as brasileiras equilibraram no início, mas perderam por 11 a 7

AE, Agencia Estado

19 de julho de 2009 | 20h15

Laszlo Balogh/Reuters

Holandesa Nieke Vermeer (à esq.) e a brasileira Cecilia Carnetti disputam lance na estreia das equipes

ROMA - A seleção brasileira feminina de polo aquático fez neste domingo a sua estreia pelo Mundial de esportes aquáticos, que está sendo disputado em Roma, na Itália. Diante da Holanda, atual campeã olímpica, o Brasil surpreendeu por fazer um jogo equilibrado no início, mas acabou perdendo por 11 a 7. Agora, a equipe nacional volta a jogar nesta terça-feira, às 13h20 (de Brasília), contra a Alemanha.

Brigando pela classificação no Grupo D, que ainda conta com a Espanha, o Brasil fez um ótimo início de jogo contra as holandesas, empatando o primeiro quarto por 3 a 3. Nos períodos seguintes, porém, ficou difícil conter o ímpeto das medalhistas de ouro em Pequim. No último quarto, a seleção ainda foi superior e venceu por 1 a 0, mas não foi suficiente para evitar a derrota.

"Elas jogaram muito bem. Estamos treinando há pouco tempo e acho que se superaram, mas que podem melhorar muito mais. Contra a Alemanha será uma partida difícil", disse o técnico Pablo Cuesta, já prevendo o confronto contra as alemãs. "Temos sempre a esperança de ganhar. Acho que vai ser um jogo interessante", completou. Também neste domingo, a Espanha venceu a Alemanha por 17 a 12.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.