Brasil fica em quinto no revezamento 4 x 100 m livre

A equipe brasileira terminou em quinto lugar na final do revezamento 4 x 100 m livre no Mundial de Natação em piscina curta, em Xangai, na China. A equipe formada por Guilherme Roth, César Cielo, Rodrigo Castro e Nicholas dos Santos marcou 3min12s68, pouco menos de dois segundos atrás da Itália, que ficou com a medalha de ouro ao fazer o tempo de 3min10s74.O Brasil havia marcado o segundo melhor tempo nas eliminatórias, 27 centésimos mais rápido que o da final. Na prova, chegou a estar em segundo lugar, com César Cielo, mas perdeu o ritmo depois da passagem de Rodrigo Castro, que caía pela quarta vez na piscina no dia - já havia nadado também as eliminatórias e a final dos 200 m costas.A medalha de prata ficou com a Suécia, com 3min11s63, e a de bronze com os Estados Unidos, com 3min11s92.Nas outras provas do dia, o Brasil não se classificou para as finais. Nos 100 m costas masculino, Lucas Salatta marcou o 14.º tempo das semifinais, e Fernando Silva, o 16.º. Gabriel Mangabeira caiu ainda nas eliminatórias dos 100 m borboleta, assim como Felipe Lima e Eduardo Fischer nos 100 m peito.Entre as mulheres, os resultados também foram pouco animadores. Joanna Maranhão ficou em 12.º lugar e não se classificou para a final dos 400 m medley. O revezamento fez o nono melhor tempo e também não chegou à final no 4 x 200 m livre. E Fabíola Molina foi eliminada nas semifinais dos 100 m costas.

Agencia Estado,

05 de abril de 2006 | 10h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.