Brasil fica sem vaga no arco em última seletiva olímpica

O Brasil terá mesmo apenas um representante no tiro com arco nos Jogos Olímpicos de Londres. Neste fim de semana aconteceu o último pré-olímpico da modalidade e Sarah Nikitin não conquistou a vaga no feminino. Assim, Daniel Xavier será o único arqueiro brasileiro em Londres.

AE, Agência Estado

23 de junho de 2012 | 19h44

Neste fim de semana, Sarah terminou em oitavo a fase classificatória da Copa do Mundo de Odgen, nos Estados Unidos, mas depois foi eliminada por Asel Sharbekova, do Quirguistão, por 6 a 2, e não conseguiu avançar às oitavas de final. Ela precisava terminar entre as oito primeiras para ganhar a vaga.

Esta foi a última seletiva olímpica da qual participaram atletas brasileiros. Até aqui são 242 atletas classificados e este número deve chegar a 251 com a confirmação de vagas em três revezamentos no atletismo, para as quais o Brasil está na zona de classificação do ranking olímpico. Há ainda a expectativa para que uma dupla brasileira esteja no tênis masculino.

Individualmente, a única possibilidade de novos passaportes carimbados para Londres é o Troféu Brasil de Atletismo, que acontece na semana que vem, em São Paulo. Até aqui a delegação do atletismo tem 22 atletas. Cerca de 700 esportistas devem buscar índices no Estádio do Ibirapuera.

Tudo o que sabemos sobre:
tiro com arcoOlimpíada

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.