Brasil foi o algoz em cinco eliminações

Seleção derrubou argentinos quatro vezes na Copa América e uma na Copa das Confederações

O Estado de S.Paulo

07 de julho de 2013 | 02h08

Das 13 decepções que a seleção argentina sofreu nas últimas duas décadas, algumas foram traumáticas, a começar pela queda na Copa de 1994. Maradona foi pego no exame antidoping após partida contra a Nigéria. A notícia abalou a seleção, que acabou eliminada nas oitavas de final pela Romênia.

No ano seguinte, nas quartas de final da Copa América, o time vencia o Brasil, mas viu Túlio Maravilha ajeitar a bola com o braço e empatar. Nos pênaltis, Simeone e Fabbri desperdiçaram as suas cobranças.

No Mundial de 1998, novo sofrimento. A partida contra a Holanda, válida pelas quartas de final, estava empatada por 1 a 1 até os 44 do segundo tempo, quando Bergkamp marcou um golaço e mandou os argentinos mais cedo para casa.

No ano seguinte, na Copa América, a Argentina perdeu para o Brasil nas quartas por 2 a 1 - gols de Ronaldo e Rivaldo. E no finalzinho Dida pegou um pênalti batido por Ayala.

Na Copa de 2002, a Argentina estava cotadíssima para o título após ótima campanha nas Eliminatórias. A única vitória da equipe, no entanto, ocorreu na estreia, diante da Nigéria. E o time de Marcelo Bielsa caiu logo na primeira fase.

A final da Copa América de 2004 também foi dolorida. Contra uma seleção brasileira cheia de reservas, a Argentina vencia até os 48 minutos do segundo, mas permitiu que Adriano empatasse e levasse a decisão para os pênaltis. E deu Brasil.

Em 2005, os argentinos levaram um baile do Brasil na final da Copa das Confederações (goleada por 4 a 1). E em 2007, foram atropelados de novo pelos brasileiros: 3 a o na decisão da Copa América.

Quatro anos depois a Argentina sediou a Copa América. E nas quartas, diante do Uruguai, caiu nos pênaltis. / C.C. e R.R.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.