Brasil perde seis finais no Pan-Americano de Judô

Danielli Yuri, Flávio Canto, Maria Portela, Eduardo Santos, Claudirene César e João Gabriel Schlittler são prata

Agencia Estado

26 de março de 2009 | 20h31

O Brasil conquistou oito medalhas no primeiro dia do Campeonato Pan-Americano de Judô, mas o saldo foi amargo, já que perdeu todas as seis finais que participou em Buenos Aires. As medalhas de prata foram conquistadas por Danielli Yuri (-63kg), Flávio Canto (-81kg), Maria Portela (-70kg), Eduardo Santos (-90kg), Claudirene César (+78kg) e João Gabriel Schlittler (+100kg). Luciano Correa (-100kg) e Deborah Souza (-78kg) conseguiram o bronze.

Flávio Canto não se deu bem no reencontro com o norte-americano Travis Stevens, que luxou o seu cotovelo no Pan do Rio. O brasileiro perdeu com um ippon no golden score. "Senti um pouco de falta de ritmo de luta, principalmente no golden score. Acabei sofrendo um golpe estranho que resultou num ippon para o Travis. Ele está muito bem tecnicamente e não encarei em momento algum esta luta como uma revanche", afirmou.

João Gabriel Schlittler perdeu para o cubano Oscar Braison, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim, por yuko. Em outra final com Cuba, Claudirene César sofreu um ippon e foi derrotada por Idalis Ortiz, medalha de bronze na última Olimpíada. Na categoria médio, Eduardo Santos perdeu para o canadense Alexandre Edmond por ippon, assim como Maria Portela, superada pela colombiana Yuri Avelar. Já Danielli Yuri foi superada com um ippon pela argentina Daniela Krukower, campeã mundial em 1995.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.