Clayton de Souza / Estadão
Clayton de Souza / Estadão

Brasil terá 16 judocas na disputa do Grand Prix de Qingdao, na China

Mesmo com equipe renovada, delegação brasileira confia em boa fase nas competições internacionais

AE, Agência Estado

22 de novembro de 2012 | 16h21

SÃO PAULO - O Brasil terá 16 judocas na disputa do Grand Prix de Qingdao, etapa do circuito mundial de judô, que será disputada no sábado e domingo, na China. Mesmo com uma equipe renovada, a seleção brasileira tenta manter a boa fase nas competições internacionais.

No Grand Prix de Abu Dabi, primeira competição em que esteve depois da Olimpíada de Londres, o Brasil somou três medalhas de ouro, três de prata e quatro de bronze. Na sequência, os judocas brasileiros conseguiram mais duas de bronze no Mundial por Equipes.

Na China, a seleção masculina terá Leandro Cunha (até 66kg), Luiz Revite (até 66kg), Alex Pombo (até 73kg), Victor Penalber (até 81kg), Renan Nunes (até 100kg) e Luciano Corrêa (até 100kg). E entre as mulheres o Brasil será representado por Gabriela Chibana (até 48kg), Eleudis Valentim (até 52kg), Érika Miranda (até 52kg), Flávia Gomes (até 57kg), Ketleyn Quadros (até 57kg), Mariana Barros (até 63kg), Rafaela Silva (até 63kg), Nádia Merli (até 70kg), Maria Portela (até 70kg) e Maria Suelen Altheman (acima de 78kg).

Tudo o que sabemos sobre:
judôGrand Prix

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.