Brasil vai conhecer destaques do esporte

Com a presença do grego Polyvios Kossivas, o esporte brasileiro realiza amanhã à noite no Teatro Municipal do Rio a festa para eleger os melhores atletas do País nas categorias masculina e feminina. Estão concorrendo ao prêmio máximo as ginastas Daiane dos Santos e Daniele Hypolito, além de Shelda, do vôlei de praia. Entre os homens, os iatistas Robert Scheidt e Torben Grael e o maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima. A escolha dos seis nomes para a votação popular, que terminou hoje, foi feita por um júri formado por dirigentes, técnicos, jornalistas e personalidades do esporte, que apontaram os seis finalistas. Os jurados ainda determinaram os melhores de cada modalidade olímpica e alguns dos vencedores foram Giba (vôlei), Thiago Pereira (natação), o judoca Flávio Canto, a jogadora de futebol Marta e Janeth, do basquete. Daiane e Daniele realizam uma disputa à parte. Enquanto a primeira busca o bicampeonato, a ginasta do Flamengo tenta obter o título pela terceira vez, já que foi campeã em 2001 e 2002. No masculino, Scheidt ganhou em 2001, mas nos últimos dois anos acabou derrotado por Nalbert, do vôlei, em 2002, e pelo tenista Fernando Meligeni, no ano passado. Em 1999 e 2000, as vitoriosas foram a saltadora Maurren Maggi e Leila, do vôlei, respectivamente, além de Gustavo Kuerten, o Guga, vencedor nos dois anos. Pela terceira vez consecutiva, Bernardo Rezende, o Bernardinho, foi eleito o melhor técnico do ano, por uma comissão formada pelos dirigentes do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Esse júri ainda indicará duas pessoas para serem homenageadas como a personalidade olímpica e receber o prêmio Adhemar Ferreira da Silva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.