Brasil vai enfrentar 'freguês' na Copa Davis de 2011

A derrota para a Índia já passou, não há nada que a equipe brasileira da Copa Davis possa fazer a não ser pensar no próximo ano. Ontem, a Federação Internacional de Tênis (ITF) sorteou as chaves da competição em 2011. Como cabeça de chave da Zona Americana, o Brasil folga na primeira rodada, em fevereiro. Espera o vencedor do confronto entre Colômbia e Uruguai para saber se terá outra chance de voltar ao Grupo Mundial.

Giuliander Carpes, O Estado de S.Paulo

23 de setembro de 2010 | 00h00

Os dois possíveis adversários são fregueses do Brasil, que nunca perdeu para a Colômbia (sete vitórias) e tem oito triunfos contra apenas uma derrota diante dos uruguaios. A equipe brasileira ganhou a chance de jogar a repescagem da Davis, este ano, diante dos indianos (derrota por 3 a 2, em Chennai), depois que passou com facilidade sobre o Uruguai (5 a 0), que veio a Bauru desfalcado de seu melhor jogador, Pablo Cuevas (70.º do ranking mundial).

Se os uruguaios vencerem o duelo da primeira rodada, portanto, a equipe brasileira terá de ir ao país vizinho enfrentá-los. Já em caso de vitória colombiana, o confronto será no Brasil. Os colombianos têm mais jogadores posicionados entre os 100 melhores do mundo. Enquanto o Uruguai possui apenas Pablo Cuevas no seleto grupo, a Colômbia conta com Santiago Giraldo (61.º) e Alejandro Falla (74.º), portanto um time potencialmente mais perigoso.

Já a Índia enfrenta a Sérvia na primeira rodada do Grupo Mundial em 2011. O Brasil perdeu chance de jogar contra Novak Djokovic, número 2 do mundo e finalista do US Open, líder do time finalista da Davis deste ano. O adversário é a França, em dezembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.